Brasil

Segundo Associação Comercial de São Paulo, Índice Nacional de Confiança subiu

Esse apontamento foi registrado após 6 meses consecutivos de queda.

Diferente do mês anterior, novembro, o Índice Nacional de Confiança, registrado pela ACSP, teve aumento após 6 meses de constante queda. Foram registrados 77 pontos em dezembro, contra 72  no mês passado. Embora esse sinal seja positivo em relação às projeções econômicas, ainda e baixa, pois no mesmo período do ano passado, foram registrados 148 pontos.

Em depoimento enviado pela Associação à imprensa, o presidente da ACSP, Alencar Burti, informou que a melhora de dá por conta de uma alavancada no agronegócio e pelo recebimento do 13º salário, uma prova disso é que a situação financeira pessoal doi de 23% para 25%. Entre os que declararam que a situação financeira está ruim, houve queda de 3%.

O IBGE registrou também que a segurança no emprego se manteve estável. A vontade de consumir aumentou, uma das causas são as datas comemorativas, como o Natal. “Essa elevação do INC, porém, não indica uma tendência. É cedo ainda para falar em retomada da confiança, tratando-se, portanto, de uma melhora meramente circunstancial. É preciso aguardar os próximos índices para confirmar se há ou não uma tendência”, declarou Burti.

As regiões sul, centro- oeste e nordeste foram os locais mais otimistas. A pesquisa afirmou também que as classes D e E estão mais propensas a realizarem compras. Em comparação ao natal do ano passado, a situação ainda é desfavorável devido aos problemas econômicos enfrentados pelo país e também pelo clima político.

A pesquisa foi elaborada pelo Instituto Ppsos, por meio de 1200 entrevistas realizadas em domicílios de 72 municípios brasileiros.

 

Clique para Comentar

Deixe uma resposta

Topo