Política

Presidente da Câmara sugere ao Executivo remanejar dinheiro da SAEC para pagar dissídio dos servidores

O Presidente da Câmara Municipal de Catanduva, Enfermeiro Ari, protocolou na última sexta-feira (8) na Casa de Leis, um Projeto de Lei que sugere ao Poder Executivo remanejar da Superintendência de Água e Esgoto de Catanduva – SAEC o valor de R$ 15,740,811,31 (quinze milhões, setecentos e quarenta mil, oitocentos e onze reais e trinta e um centavos) , valor proveniente do excesso de arrecadação de recursos financeiros recebidos no exercício de 2018.

“Após o Prefeito Municipal, informar que não tinha dinheiro para pagar o dissídio de 2015 aos funcionários municipais me vi na obrigação de tentar ajudar a solucionar esse problema. Então após várias análises tive essa ideia que poderá beneficiar a toda municipalidade, afinal é um direito de todos que contribuem diariamente com o município ”, afirmou Enfermeiro Ari.

Vendo que essa projeto está em conformidade com a Lei, o Chefe do Legislativo, espera que sua sugestão seja aceita pelo Chefe do Executivo.

Da Redação
Foto – Arquivo

Clique para Comentar

Deixe uma resposta

Topo