Catanduva

Dnit confirma que projeto de retirada dos trilhos está em fase final

A Prefeitura de Catanduva recebeu a confirmação do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) de que o projeto executivo para construção de novo contorno ferroviário no município depende apenas da liberação de licenças ambientais. Depois, demandará dotação orçamentária para licitação e concretização da obra.

O documento assinado por Charles Magno Nogueira Beniz, diretor de Infraestrutura Ferroviária do Dnit, foi encaminhado no dia 30 de julho, fazendo menção a despachos anteriores de órgãos do Governo Federal.

“Informamos que o contrato foi aditivado para a realização de estudos ambientais complementares, visando atender a solicitação da Cetesb para a liberação das licenças ambientais do empreendimento”, explicou Beniz, em referência a etapa já concluída.

Segundo ele, atualmente a projetista está preparando o material final para enviar para análise da Cetesb e realizando as revisões necessárias no Projeto Executivo do Contorno Ferroviário de Catanduva, de acordo com os resultados ambientais.

“Assim que forem liberadas as licenças ambientais pela Cetesb e aprovado o Projeto Executivo relativo ao empreendimento, será solicitada a disponibilização de recursos orçamentários para licitação e implantação”, completou o diretor.

Da Redação
Foto – Divulgação

Clique para Comentar

Deixe uma resposta

Topo