Polícia

Polícia Civil desarticula esquema de “gato” de TV por assinatura em São Paulo

A Polícia Civil de São Paulo prendeu uma quadrilha que fornecia clandestinamente pacotes de TV por assinatura para mais de 5 mil pessoas no estado de São Paulo. De acordo com o Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), eram oferecidos, abaixo do custo, pacotes das operadoras Claro TV, Net, e Sky nas cidades de Jaú e São Carlos, principalmente. Os criminosos atuavam também na capital paulista e na Baixada Santista.

Cinco pessoas foram presas em flagrante na operação, denominada Card Sharing. Elas são acusadas de participação em organização criminosa e estelionato. Segundo o Deic, a polícia iniciou a investigação após receber denúncia de uma das concessionárias sobre desvio de equipamentos e acesso indevido ao sistema.

A quadrilha tinha equipamentos de alta capacidade para distribuir o sinal para os clientes da organização criminosa. “Eles tinham uma estrutura organizacional tão bem trabalhada que tinham uma área técnica para fazer o suporte, uma área para venda, site na internet, davam suporte técnico”, disse o delegado José Mariano de Araújo Filho, responsável pela operação.

Além de vender clandestinamente o sinal das operadoras, a quadrilha comercializava receptores desviados das concessionárias e equipamentos de venda proibida no Brasil. De acordo com a polícia, a partir de agora, o foco das investigações será apurar a participação no esquema de empregados que prestam serviços terceirizados às concessionárias.

Bruno Bocchini – Repórter da Agência Brasil
Foto – Divulgação/Arquivo NM

Clique para Comentar

Deixe uma resposta

Topo