Polícia

PF desarticula esquema criminoso praticado contra instituições financeiras

Uma equipe de policiais federais de São José do Rio Preto cumpriu na manhã desta quinta-feira (11) mandados de busca e apreensão como parte da operação “O Grande Irmão”, deflagrada contra uma quadrilha que é investigada por fraudes cibernéticas contra instituições financeiras.

De acordo com informações da Polícia Federal, aproximadamente 60 policiais federais cumprem 21 mandados expedidos pela 5ª Vara Federal de Goiânia, sendo 10 mandados de busca e apreensão, 9 mandados de prisão temporária e 2 mandados de condução coercitiva. As ordens judiciais estão sendo cumpridas em Goiânia/GO, Trindade/GO, Catanduva/SP e no Distrito Federal.

Com a operação batizada de “O Grande Irmão”, segundo a PF, as investigações demonstraram que o grupo criminoso inseria créditos indevidos em cartões de débito pré-pagos, os quais eram utilizados para centenas de saques em terminais eletrônicos e pagamentos de compras realizadas em estabelecimentos comerciais, inclusive para aquisição de um veículo de alto valor por um dos suspeitos.

Ainda de acordo com a PF, até o momento, apurou-se que os suspeitos atuavam desde 2012, estando comprovado o prejuízo de R$ 1,5 milhões. Porém, estima-se que o valor total dos prejuízos supere R$ 3 milhões, o que será verificado após a análise dos documentos e demais bens apreendidos.

O nome da operação faz alusão ao personagem do romance 1984, de George Orwell, em face da ilusória sensação de impunidade por parte dos investigados.

Da Redação, com informações da Comunicação Social da Polícia Federal em Goiás
Foto – Divulgação

Clique para Comentar

Deixe uma resposta

Topo