Novo Horizonte

Estudantes fazem oficina de fotografia em Novo Horizonte

Aguçar o olhar das pessoas é a proposta do projeto Estúdio Improvisado que aconteceu em Novo Horizonte de 8 a 12 de setembro.  A primeira oficina contou com a participação de cerca de 20 alunos da Escola Prof. Hebe de Almeida Leite Cardoso e outras serão agendadas para novos grupos.

O projeto é patrocinado pela Usina Estiva, através do ProAc, lei estadual de incentivo à cultura, realizado pela 3S Projetos, e tem como principal objetivo dar oportunidades para jovens estudantes de saber mais sobre fotografia.  “Mais uma vez conseguimos alcançar a comunidade com projetos inovadores, tendo como atores os jovens da nossa comunidade. Saber que podemos oferecer esta oportunidade muito nos honra, pois entendemos que esta porta aberta agora, na mente e nos corações destes alunos, nunca será fechada”, disse Sandro Cabrera, diretor da Usina Estiva.

As oficinas têm como tema “retratos” e foram divididas em três etapas: aulas introdutórias, abordando questões históricas, técnicas e teóricas da fotografia; aulas práticas, com os alunos fazendo as fotografias das pessoas que espontaneamente demonstrarem interesse, e, com as fotos impressas, os alunos montam porta-retratos com suas fotos, para contemplarem o que foi aprendido em sala de aula.

“Além de aprender um pouco mais sobre a história da fotografia, os participantes podem compreender, através do estudo do retrato, sua relação com a história da arte”, explica Werner Heilig, fotógrafo e professor das oficinas.

A atividade foi recebida exatamente assim pelos alunos que participaram, uma oportunidade. Ariadne Rodrigues Santos, aluna do 2º ano de Magistério, disse que a oficina foi além do esperado. “Aprendemos mais do que lidar com a câmera, encontramos os melhores pontos para fotografar e tivemos a chance de interagir com os colegas da escola”, apontou.

A diretora da Escola Hebe, Maria Cristina Bertolini do Prado, disse que o projeto é maravilhoso, exatamente o que os alunos do Ensino Médio precisam. “Cursos rápidos, que passam conhecimento aos alunos, são de grande valia para o aprendizado e eles ficaram totalmente envolvidos. Foi maravilhoso”, revelou.

Cristina disse ainda que os alunos vão colocar em prática o conhecimento em fotografia durante a Feira do Magistério, que acontecerá de 16 a 18 de novembro na escola. “Vão fotografar a feira com um novo olhar”, prevê.

Da Redação

Foto: Assessoria de Imprensa/Estiva

Clique para Comentar

Deixe uma resposta

Topo