Novo Horizonte

Aluno de Novo Horizonte vence Concurso de Redação realizado pela TV TEM

O estudante Richiery Cinciareli Sarracine, do 6º ano da Escola Francisco Alvares Florence, de Novo Horizonte, foi o vencedor do Concurso de Redação 2016 realizado pela TV Tem, afiliada da Rede Globo no Noroeste Paulista. O concurso de 2016 contou com a participação de 121 mil estudantes do 1º ao 9º ano, de 829 escolas públicas e particulares, de 164 cidades do interior do Estado nas regiões de Sorocaba, Bauru, Itapetininga e São José do Rio Preto.

A redação de Richiery abordou de forma muito criativa o tema proposto na categoria Narrativa de Aventura, contando as aventuras de um arqueólogo, e foi escolhida pelos professores entre dezenas produzidas espontaneamente pelos alunos da FAF. A seleção é feita pelas escolas, parcerias da TV Tem no concurso, e enviadas para a produção do evento na emissora.

Para a diretora da escola, Daisy Almagro, a conquista de Richieri tem um grande significado. “Faz nossos alunos nos verem como uma escola de oportunidades”, aponta ao lembrar que recentemente, no projeto Era Uma Vez Brasil, patrocinado pela Usina Estiva, vários alunos conseguiram estar entre os finalistas. “O grande desafio da escola é lidar com o desestímulo dos adolescentes. Projetos assim são estímulos para que eles busquem novas oportunidades”, afirmou.

A Usina Estiva é parceria da Educação em Novo Horizonte e apoia ou patrocina diversos projetos de educação, cultura, esporte, dentre outros. O diretor Sandro Cabrera parabenizou Richiery e a escola pela premiação. “É uma alegria ver que o bom trabalho gera frutos e traz estímulos para os estudantes”, afirmou.

A escola, que ficou em primeiro lugar no IDEB (Índice de Educação Básica) no estado, com nota 7, tem em seu currículo aulas específicas de redação. Os alunos produzem pelo menos quatro textos por bimestre, como parte das avaliações nas aulas de Língua Portuguesa. Richiery sempre se destaca, segundo contou Daisy. “Ele é um excelente aluno, que transita bem em todas as disciplinas. Muito ativo, interessado e participativo”, explica. Orgulho para o pai, e Claudinei Serracine, colaborador da Usina Estiva, e para a mãe, Andréia, Richiery ganhou um computador desktop por sua conquista. A professora Tatiane Soares da Silva recebeu um leitor de livro digital e a escola uma TV LED de 32”.

Fonte e Foto – Assessoria de Comunicação/Usina Estiva

Clique para Comentar

Deixe uma resposta

Topo